O Portal de notícias de Porto Seguro

Vereadora afirma ter prestado serviços para empresa dos fraternos, mas nega envolvimento e recebimento de propinas

0 7.281

A vereadora e presidenta da Câmara de Vereadores de Porto Seguro, Ariana Prates, afirmou na sessão desta quinta-feira, (17/06) ter prestado serviços para a LTX – uma das empresas fundadas pelo organização fraternos e reiteradamente citada nos relatórios do Ministério Público Federal e Polícia Federal como participante da “ciranda da propina” -, mas que jamais teve envolvimento com as articulações e muito menos ter recebido propinas da referida empresa.

Ariana destaca que foi realmente ouvida pela Polícia Federal, no início da “operação fraternos”, mas que os fatos se reportam ao ano de 2015, ocasião em que prestou esses serviços e que ainda nem era vereadora. “Trabalhei com meu equipamento e recebi por trabalho prestado, com honestidade e muito suor”, pontuou Ariana Prates

Num discurso eivado de citações bíblicas e religiosas, a presidente rebateu publicações de diversos sites regionais como: Bahia Notícias, A Tribuna, CDN 24 horas, Bahia 40 Graus e o JoJô Notícias, que repostou a matéria do Bahia Notícias, e prometeu elucidação breve dos fatos apontados, que demonstrarão sua inocência e desconexão com as ações da empresa citada.

“Jamais participaria de uma ação criminosa que retirasse recurso da população”, disse Ariana que afirmou ainda estar vereadora e que tem pretensões maiores na política.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.