O Portal de notícias de Porto Seguro

Aprovação da Instituição do Serviço Municipal de Guincho enterra de vez a “Máfia dos Guinchos” em Porto Seguro

0 3.456

A Câmara de Vereadores de Porto Seguro aprovou nesta quinta-feira, (18/11), em 1ª votação, Projeto de Lei do Executivo Municipal, nº 043/2021, que Institui Serviço de Guincho, Guarda e Depósito de Veículos Automotores Envolvidos em Sinistros e Infrações Previstas na Legislação de Trânsito de Porto Seguro.

O serviço vinha sendo realizado no município de forma terceirizada, até o fim da gestão investigada de Cláudia Oliveira. Assim que Jânio Natal assumiu a prefeitura, derrotando a perniciosa “Coligação “Coronavírus e cumprindo promessa de campanha, extinguiu a operação dos guinchos, conhecida também por “Máfia dos Guinchos”, fortemente criticada pela população, pelos abusos morais, financeiros e ilicitudes em seus procedimentos.

Vereador Bolinha que se absteve na votação

Esta foi a segunda e exitosa intervenção do mandatário que, em campanha, prometeu acabar com o famigerado estacionamento “faixa azul” e a cabulosa “Máfia dos Guinchos”

Ocorre que após a sua derrubada formou-se um hiato que acentuava ainda mais o caos do trânsito herdado da administração anterior, provocando reais prejuízos para a Já sofrida categoria de operadores dos serviços de transporte de passageiros do município, como taxistas, alternativos e mototaxistas, dentre outros.

Em determinados momentos parecia o Oeste Americano; sem leis e sem Xerife, tamanha a clandestinidade. Cada qual fazia o que queria, explorando décadas de omissão e apadrinhamentos, desrespeitando, fragorosamente, as leis e os princípios do Código de Trânsito Nacional e Municipal.

A bagunça parece ter chegado ao fim. O novo serviço instituído terá um convênio com o Detran-BA, conforme publicação exibida pelo vereador Robinson Vinhas, na mesma sessão e, a “Guarda Municipal” em parceria com os agentes de trânsito municipais passarão por cursos e treinamentos, que permitirão a abordagem de motoristas infratores e expedição de multas pertinentes.

O projeto retorna à Casa Legislativa para 2ª e última votação na próxima sessão de quinta-feira, (25/11)

 

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.