O Portal de notícias de Porto Seguro

Projeto de vereadora que dá descontos aos servidores no transporte público é questionado por outros setores da sociedade

0 2.074

Por que a presidenta da Câmara ingressou com projeto de lei que dá desconto apenas aos servidores no transporte público?

Durante a última reunião da Câmara, ocorrida na semana passada, 4 de fevereiro, a presidenta da Câmara Municipal de Porto Seguro, Ariana Prates, ingressou com um projeto de lei, (002/2021) que foi para a leitura, dispondo de desconto no transporte coletivo municipal, para os servidores da rede pública.

No uso do pequeno expediente, ela defendeu o projeto numa rápida evasiva, justificando a importância do desconto pela necessidade que a população vem enfrentando durante a pandemia, sobretudo em relação ao desemprego. No entanto, não é o caso dos servidores, que em meio à crise econômica gerada pela pandemia, mantém-se na estabilidade de seus cargos e de suas remunerações.

Nossa reportagem ficou sem entender o porquê dessa categoria receber esse privilégio, uma vez que existem tantas outras que foram atingidas drasticamente pela crise, caso do setor de turismo e eventos, que são as principais fontes econômicas do município. O JoJo Noticias ouviu  outras pessoas representantes de outros segmentos da sociedade. A ambulante, Selma dos Anjos Silva, questionada sobre o projeto, foi direta, “não entendi porque só os servidores públicos? Tinha que beneficiarem todos aqueles que sofrem com a pandemia”. Marco Antonio, que, como Selma, trabalha na balsa, ironizou: “não pode ser sério isso, todos servimos a uma única pessoa, a Deus. Somos todos filhos dele e deveríamos ter tratamento igual”. O músico e ator, Denílson Moraes demonstrou perplexidade: “fomos os mais atingidos com essa doença; não recebemos auxílio de nenhum dos governos e agora nos deixam de fora desse benefício”

Como na última reunião, nossa reportagem priorizou a polêmica definição da composição das comissões da Casa e a cobrança dos vereadores à Secretária de Saúde, relativo à vacinação em Porto Seguro, deixamos para fazer o questionamento para a presidenta Ariana, na reunião que ocorrerá amanhã, 11 de fevereiro, quando o projeto entra em sua primeira votação.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.