O Portal de notícias de Porto Seguro

Quase 3 milhões de pessoas estão com vacinação da Covid-19 atrasada na Bahia, diz Sesab

0 3.345

Quase três milhões de pessoas estão com a vacinação contra a Covid-19 atrasada na Bahia. De acordo com a Secretaria de Saúde do Estado (Sesab), são pessoas que já poderiam ter tomado a segunda dose conforme o prazo de cada imunizante ou a dose de reforço.

Ainda segundo a Sesab, do total do público que está com a segunda dose em atraso, 341.494 tomaram a vacina Coronavac; 358.796 Oxford/AstraZeneca, e 1.219.490 Pfizer/BioNTech.

Já em relação à dose de reforço, 1.013.074 de pessoas já poderiam ter ido a uma unidade de saúde para receber o imunizante.

Em nota, a Secretária da Saúde do Estado, Tereza Paim, alertou que a imunização completa é que garante maior proteção contra a doença e, ainda destacou, que a principal medida para conter o avanço da Covid-19 é a imunização.

O atraso em tomar a segunda dose ou a dose de reforço além de não garantir a efetividade completa das vacinas, pode acarretar na perda de doses.

Segundo a diretora da vigilância epidemiológica do estado, Márcia São Pedro, as doses enviadas da Pfizer precisam ser aplicadas no prazo de até 31 dias, por causa das especificidades no armazenamento.

‘Procurem se vacinar’

“Meu apelo, meu pedido é que as pessoas procurem se vacinar”, disse o governador da Bahia, Rui Costa, na manhã desta quarta-feira (24), quando visitava a cidade de Bom Jesus da Serra, no sudoeste do estado.

Na ocasião, ele reforçou a necessidade de que a população tome a vacina contra a Covid-19 e citou os números de não vacinados no estado.

“Dois milhões de baianos não retornaram para tomar a segunda dose. Um milhão de baianos ainda não foi tomar a terceira dose”, disse.

Rui pediu ainda que os municípios levem o imunizante aos locais mais distantes e providenciem a estrutura necessária para que as pessoas tenham acesso à proteção contra o coronavírus.

“Meu pedido para os prefeitos é que não vamos aguardar as pessoas chegarem ao posto de saúde. Nesse momento, as equipes de saúde, as equipes de vacinação têm que ir aonde o povo está. Se o povo não está indo ao posto de saúde, vamos colocar a equipe de vacinação numa van, vamos ao distrito, vamos ao povoado, para vacinar as pessoas”, completou.

Fonte:G1

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.