O Portal de notícias de Porto Seguro

“Aulas presenciais só quando todos os profissionais de Educação forem totalmente imunizados”, avisa secretária de Educação de Porto Seguro

0 1.441

Como todos os profissionais de Educação em Porto Seguro receberam, pelo menos, a primeira dose da vacina contra a Covid-19, a Secretaria Municipal de Educação vem avaliando possíveis dinâmicas para o retorno às aulas presenciais na rede municipal de ensino.

Nesse sentido, a Secretária de Educação, Dilza Reis – acompanhada do vice-prefeito e secretário de Turismo, Paulo Onishi e uma equipe da Prefeitura Municipal, foram para Salvador, na terça-feira, 8 de junho, para realizar uma série de visitas a escolas municipais e, também, à Secretaria de Educação de Salvador.

 

A secretária explicou que Salvador está funcionando com o ensino remoto desde 2020 e há cerca de um mês, com o sistema híbrido, diferente de Porto Seguro, onde as aulas só recomeçaram este ano, por iniciativa da nova gestão municipal, e no sistema remoto. “Porto Seguro foi uma das pouquíssimas cidades da Bahia que não trabalhou a educação em 2020, ao contrário de 90% das escolas do Estado, que já têm uma experiência de um ano e meio, enquanto nós temos apenas cinco meses”, lamenta.

Mesmo assim, conforme a secretária, o modelo remoto de ensino continuará até que todos os profissionais de Educação recebam a segunda dose e sejam respeitadas as duas semanas seguintes para a imunização completa.

A secretária demonstra confiança no modelo remoto, mesmo diante dos empecilhos impostos pela pandemia. “Estamos conseguindo avançar, com resultados significativos, até então”, frisa.

Neste intervalo de tempo, enquanto os profissionais de Educação sejam totalmente imunizados, a Prefeitura está aproveitando para realizar reformas nas unidades que necessitam, incluindo as escolas situadas nas aldeias indígenas.

Então, a partir desse momento, a Secretaria de Educação coordenará, junto a cada escola, a elaboração do novo formato de retomada para receber os alunos, com base nos protocolos sanitários, que será apresentado a todas as famílias. “Essa visita nos fez pensar que nós, de verdade, devemos agir com prudência e sem pressa, até que tenhamos uma visão real do controle da pandemia em nosso município. Estamos cautelosos, respeitando em primeiro lugar, a vida”, finaliza Dilza.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.