O Portal de notícias de Porto Seguro

Moradores de Caraíva pagam 35 mil reais para coletar o lixo no distrito, em Porto Seguro

0 538

Os moradores da Vila de Caraíva, distrito de Porto Seguro, contrariados com veiculação de matéria da ASCOM (Assessoria de Comunicação da Prefeitura de Porto Seguro) em sites regionais, que destaca avanços no serviço de coleta de lixo no distrito, enviaram à nossa redação, o seguinte esclarecimento: “O serviço de coleta de lixo em Caraíva realizado por carroceiros locais é pago, na sua integralidade, pela comunidade de Caraíva”.

De acordo o Conselho Comunitário de Caraíva, neste verão, foram arrecadados 35 mil reais em dinheiro, fruto de doação dos empresários, para realizar essa coleta

“A prefeitura de Porto Seguro, só manda o caminhão. Além das despesas com a coleta, a comunidade também foi quem comprou 50 lixeiras e espalhou-as nas ruas da cidade”, completa o informativo.

 A nota da ASCOM que foi veiculada em sites da região diz que: para aperfeiçoar a coleta de lixo no distrito de Caraíva, a Prefeitura de Porto Seguro melhorou a logística de escoamento, adquirindo com recursos próprios uma nova embarcação para fazer a travessia com o lixo, que antes era feita em pequenas canoas. Ainda, segundo a nota, a limpeza é realizada com total atenção e zelo da equipe da Superintendência de Limpeza Pública, da pasta municipal de Trânsito e Serviços Públicos, de forma especial. A coleta acontece regularmente, em todas as ruas, e os garis acondicionam o material em sacos plásticos e viabilizam o escoamento via carroças até a embarcação, seguindo para o aterro sanitário.

Os moradores contestam o teor da matéria veiculada e cobram obediência e respeito à lei federal nº 12.305, que determina que a política nacional de resíduos sólidos seja de competência do poder público.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

× Envie uma