O Portal de notícias de Porto Seguro

Justiça do Paraguai decreta prisão do jogador Ronaldinho Gaúcho

0 247

O jogador brasileiro Ronaldinho Gaúcho e seu irmão Assis foram detidos pela Polícia paraguaia na noite de quarta-feira (04) na suíte de um hotel.

Convidados para participarem de dois eventos no país vizinho, o ex-jogador do Barcelona e o irmão receberam passaportes e registros civis (equivalente ao RG brasileiro) paraguaios. Nos documentos, o ex-camisa 10 da seleção era identificado como paraguaio naturalizado.

A justiça paraguaia, através do promotor, Osmar Legal resolveu detê-los e processá-los por uso de documentos de conteúdo falso. O passaporte que eles utilizaram para entrar no Paraguai foi emitido por autoridades legais, mas os dados contidos nos documentos foram adulterados. “A acusação contra eles é pela utilização desses documentos. Essa investigação ainda está no início e podem haver outros atos criminosos que envolvam o Ronaldo e o Assis. É importante que eles sigam aqui no Paraguai durante esse processo”, revelou o promotor.

Ronaldinho Gaúcho e Assis estariam envolvidos em outros crimes além da utilização de documentos falsos para entrar no Paraguai. A afirmação é do mesmo promotor, Osmar Legal, que foi quem pediu a manutenção da prisão preventiva dos brasileiros alegando “risco de fuga e que o Brasil não extradita seus cidadãos”. Ele é o responsável pelo caso.

Em entrevista exclusiva ao Esporte Espetacular , Osmar deu mais detalhes sobre o caso, ressaltando que a Justiça Paraguaia dará ao ídolo do futebol mundial o mesmo tratamento dado a todo e qualquer cidadão investigado.

A Lei deve ser igual para todos, seja Ronaldinho ou qualquer outro cidadão. Ele é uma pessoa muito querida, mas nós precisamos fazer o nosso trabalho como se fosse uma pessoa qualquer”, comentou o promotor.

Os dois brasileiros estavam no Paraguai, a convite da senhora Dalia, empresária controvertida e investigada por fraudes no país vizinho e que tem um projeto empresarial com o Assis e com o Ronaldo. Eles estavam iniciando a parceria em uma fundação de clínicas móveis com vários serviços médicos e que serviriam para algum tipo de publicidade.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

× Envie uma