O Portal de notícias de Porto Seguro

IFBA- Porto Seguro deve fechar as portas em setembro deste ano

2 2.973

O Instituto Federal da Bahia de Porto Seguro (IFBA) deve encerrar suas atividades, caso não seja revertido os cortes anunciados pelo governo Jair Bolsonaro, em setembro deste ano (2019)

De acordo a direção da escola no município, os recursos disponíveis só cobrirão as despesas essenciais até esta data.

Ainda, de acordo os servidores da escola, o orçamento do Instituto vem sofrendo cortes sucessivos e significativos desde 2016. Para se ter uma idéia, em 2016, o orçamento da escola era da ordem de 3 milhões e setecentos mil reais; com os cortes, foi reduzido a 1 milhão e setecentos mil reais. Praticamente à metade; isto sem considerar o corte de 30% anunciado pelo presidente Jair Bolsonaro.

Esta situação já provocou a redução dos funcionários terceirizados (segurança e limpeza) e extinguiu a manutenção na escola de equipamentos de aula e outros ( pintura, consertos de infiltração, veículos etc).

Alunos do IFBA em aula prática

O IFBA Porto Seguro começou a funcionar em 2008, e de 2015 para cá foi ampliado o numero de estudantes dos cursos técnicos de ensino médio e aberto novos cursos de pós graduação

A instituição oferece cursos de ensino médio técnico (técnico em Alimentos, Técnico em Informática e Técnico em Bicombustíveis), cursos superiores de graduação (Licenciatura em Informática, Licenciatura em Química, Licenciatura Intercultural Indígena, Tecnólogo em Agroindústria) e pós graduação (Especialização em Educação e Interculturalidade, Mestrado em Ciência e Tecnologia Ambiental – este em parceria com a UFSB)

Com cerca de 800 estudantes matriculados, 110 servidores (70 professores e 40 técnicos administrativos), a escola tem funcionado com a mínima estrutura possível, e a paralisação de suas atividades em Porto Seguro, geraria caos nas escolas da cidade, que não têm capacidade de absorver os estudantes, além de representar um retrocesso de toda ordem (social, política, econômica e cultural) no desenvolvimento da cidade.

Veja abaixo a nota emitida pelos servidores da escola:

O presidente Jair Bolsonaro e o Ministro da Educação Abraham Weintraub anunciaram, no inicio do mês de maio, o contingenciamento (cortes) nos orçamento das Universidades, Institutos Federais e Escolas de Aplicação. Diante deste cenário, servidores e discentes decidiram em assembleia paralisar as atividades no dia 15 de maio. A data é um marco para todos os trabalhadores e alunos, que lutam para que a Educação seja levada a sério e considerada INVESTIMENTO. Os Institutos e Universidades Federais com os bloqueios e redução de verbas anunciados, dificilmente conseguirão funcionar até o final do ano. A situação é crítica, pois, no caso do IFBA, por exemplo, o orçamento que chegou para o campus Porto Seguro dá apenas para pagar as despesas de manutenção (energia, água, telefone) somente até o mês de setembro, fato que pode inviabilizar o funcionamento da instituição. O IFBA é conhecido pela qualidade do seu ensino e, os resultados dos seus alunos no ENEM e em outras seleções mostram isso, além dos projetos de pesquisa e extensão que beneficiam centenas de alunos todos os anos. Assim, o IFBA convida toda sociedade Porto Seguro e região a se juntar a nós na luta pela Educação Pública gratuita de qualidade. Pedimos também, que a comunidade cobre dos seus deputados um posicionamento junto ao MEC a favor da Educação e contra o bloqueio dos recursos.

  1. […] Vinicius do IFBA reafirmou o que havia dito à nossa reportagem, na semana passada, sobre a paralisação das atividades do Instituto, em setembro, caso o governo não reavalie os cortes anunciados. A professora da UFSB, […]

  2. […] em Porto Seguro, a direção do IFBA chegou a afirmar que, caso o governo federal persista nos cortes anunciados, a Instituição local, só funcionaria […]

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

× Envie uma