O Portal de notícias de Porto Seguro

Governador Rui Costa proíbe missas, cultos e eventos esportivos e culturais com mais de 50 pessoas, para conter COVID-19

0 399

Os decretos com medidas restritivas anunciados pelo governador Rui Costa nesta segunda-feira (16/03) incluem também a suspensão de eventos religiosos, esportivos e culturais com mais de 50 pessoas nas cidades de Salvador, Feira de Santana e Porto Seguro. Não há detalhes sobre eventuais medidas a serem adotadas caso haja o descumprimento da determinação estadual. As três cidades possuem confirmações de casos do novo coronavírus na Bahia – cinco em Feira, quatro em Salvador e um único em Porto Seguro, (há informações de mais dois casos confirmados em Porto Seguro.

A restrição determinada pelo governo da Bahia é mais ampla do que a editada pelo prefeito de Salvador, ACM Neto, e da prefeita Cláudia Oliveira em Porto Seguro. Por meio de um decreto publicado no último sábado (14), o prefeito proibia a realização de eventos com mais de 500 pessoas, e em Porto Seguro o decreto proibia eventos com a presença de mais de cem pessoas.

 A proibição estadual é para públicos com mais de 50 pessoas. Rui ainda suspendeu as aulas da rede estadual nos três municípios e determinou que o acesso de pessoas com febre à Bahia por rodovias e por aeroportos seja vetado.

Além de cultos e missas, o decreto de Rui ainda deve impactar na realização de competições desportivas, ainda que a Federação Baiana de Futebol (FBF) tenha indicado a continuação dos jogos do campeonato baiano com portões fechados  No entanto, o número de pessoas envolvidas na realização das partidas ultrapassa o máximo determinado pelo governo.

Durante o Papo Correria, o governador não descartou a possibilidade de ampliar as determinações dos decretos para outros municípios, à medida que outros casos da Covid-19 sejam confirmados. No entanto, até agora, as restrições ficam limitadas a Salvador, Feira e Porto Seguro.

Fonte: Bahia Notícias

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

× Envie uma