O Portal de notícias de Porto Seguro

Agências de Turismo cobram fiscalização no “Parque Marinho Recife de Fora” em Porto Seguro

3 436

A redação do JoJo Notícias vem recebendo uma série de denúncias sobre passeios, cobranças, arrecadação e os serviços oferecidos nas visitações ao Parque Marinho Recife de Fora em Porto Seguro.

O que mais chama a atenção é que o Fundo Municipal do Meio Ambiente, de acordo os próprios gestores, dispõe de recursos (R$3 milhões) em caixa, e que, não se sabe por que, não estão podendo ser utilizado para a solução de questões mínimas, como a fiscalização e acompanhamento dos passeios realizados ao paraíso mágico de “recife de fora”.

As irregularidades denunciadas pelas agências de turismo são de toda natureza:

-Lanchas particulares indo fazer passeios sem fiscalização.

– Píer em péssimas condições (mijo, drogas, pescaria) tudo à luz do dia, na frente dos turistas.

-Vendedores descredenciados e trabalhando com camisetas das empresas que representam, usando material institucional com escritos de associações em seus álbuns, panfletos etc.

-Nenhum tem carteira assinada, trabalham irregularmente, em troca não pagam comissão, prostituem o preço, usam em benefício próprio.

– A energia é gato da rua.

-A máquina de cartão de crédito que é usada nas cobranças dos passeios é de uma empresa particular.

Enfim, pelas denúncias encaminhadas, a situação é de verdadeiro abandono ou de “casa de Maria Joana”. Não dá pra imaginar que uma riqueza natural e de valor imensurável para o meio ambiente seja alvo de tamanho abandono.

Consta ainda nas denúncias, que a lancha que faz a fiscalização do parque não está acompanhando as embarcações, devido a entraves na licitação do serviço que, a cada três meses, se revezam entre três proprietários de lanchas.

Há relatos de fiscais que havia vários barquinhos pequenos em volta do parque mergulhando e pescando em área proibida.

Sem a lancha, que além do serviço de fiscalização que tem que realizar, é escalada também para realizar serviços emergenciais e de socorro, a situação do parque é crítica e vexatória.

A reportagem do Jojo Notícias já procurou o Secretário do Meio-ambiente para tratar desse assunto. Na ocasião o secretário admitiu dificuldades de ordem burocráticas para realização da licitação dos serviços de fiscalização e de revitalização do píer, todavia, foi há meses atrás. Nada justifica a continuidade dessas ações insanas.

O espaço continua aberto e proporcionalmente disponível para a manifestação das autoridades responsáveis pela a administração desse patrimônio natural universal e que representa uma grande conquista para o povo portossegurense.

  1. Marilene Diz

    É inaceitável que uma área de preservação ambiental tenha tamanho descaso!!!!!
    Onde está o Secretário do meio ambiente, onde estão os donos das agências de Turismo,onde estão os moradores para fazerem protesto???
    Triste situação, muito relaxamento com uma cidade tão linda e com tantas atrações turísticas!!!

  2. Davidson Diz

    Boa noite, realmente existem muitas irregularidades no Recife de fora, mais tem algumas coisas que são inverdades, como por exemplo a lancha de fiscalização que está lá todos os dias, bem como a venda de passeios por vendedores não credenciados, também não procede, uma vez que o bilhete não é entregue a vendedores, somente a agências credenciadas na associação. Outra coisa é a questão de lanchas no recife com turistas também não acontece. Acho que muita coisa pode ser feito para melhorar mais também não podemos deixar falarem certas inverdades porque denigre a imagem da cidade e de um dos passeios mais procurados de Porto Seguro.

  3. Davidson Diz

    A verdade seja dita. Realmente existem alguns pontos a serem melhorados, mais não vamos generalizar. A lancha do parque marinho está indo todos os dias para o parque, e tem feito não só fiscalização, como salvamento, a fiscalização está sendo feita desde o cumprimento do embarque que é de 400 passageiros. Não tem lanchas fazendo passeio para o parque marinho, muito menos desembarcando passageiros no Recife. Bem como não existem vendedores descredenciados uma vez que existe uma associação e os bilhetes são entregues somente aos associados. Quanto ao fato de pescaria e cheiro de urina no píer, realmente procede, mais o píer é fechado durante a noite, e o que acontece é que estão pulando a proteção e invadindo o píer. Então, como disse, existem irregularidades, mais não vamos denegrir a imagem do passeio mais visitado de Porto Seguro sem antes ver realmente a realidade.

    Obs: já fiz uma réplica e não vi publicada.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.