O Portal de notícias de Porto Seguro

Aeroportos de Ilhéus e Porto Seguro terão oferta de vôos extras em fevereiro

0 418

Apontadas entre os destinos mais procurados por turistas, as cidades de Porto Seguro e Ilhéus vão ganhar um reforço na estrutura dos aeroportos regionais. Em ambos os locais, os aeródromos terão oferta de vôos extras em fevereiro, pois, juntos, os equipamentos têm a estimativa de receber 226 mil pessoas nesse período.

Na Costa do Descobrimento, o aeroporto de Porto Seguro vai ofertar 245 vôos extras no próximo mês, além dos 442 regulares previstos, o que representa um crescimento em mais de 55% no número total de vôos. Com isso, a expectativa é de que cerca de 178 mil passageiros devem chegar ou partir pelo equipamento aeroportuário nesse período. Além de Salvador, as aeronaves terão como principais origens e destinos nacionais os estados de São Paulo, Brasília, Minas Gerais e Rio de Janeiro e o internacional será a cidade de Buenos Aires, na Argentina.

Já em Ilhéus, o aeroporto Jorge Amado terá um aumento de aproximadamente 9% no número total de vôos no próximo mês. O equipamento aeroviário do Litoral Sul baiano irá oferecer 16 vôos extras em fevereiro, além dos 185 regulares. A estimativa é de que 48 mil passageiros devem embarcar e desembarcar utilizando o Jorge Amado. As principais origens e destinos no período serão Rio de Janeiro, São Paulo, Belo Horizonte e Salvador.

NÚMEROS EM 2019

Ao longo de 2019, Porto Seguro e Vitória da Conquista contaram com os aeroportos regionais com maior crescimento em movimentação total de passageiros. No primeiro, chegaram e partiram 1,7 milhão de pessoas em 2018 e 1,9 milhão no ano passado, um aumento de 200 mil pessoas.

Em Conquista, o acréscimo foi de 57% na quantidade de embarques e desembarques de pessoas, utilizando o equipamento aeroviário do município. A entrada em operação do aeroporto Glauber Rocha, no mês de junho do ano passado, contribuiu para esse número, já que a região é um dos pólos econômicos da Bahia. Em 2018, foram 210 mil viajantes pelo antigo aeroporto Pedro Otacílio. No ano seguinte, o número cresceu para 331 mil passageiros.

Na avaliação do secretário de Turismo do Estado, Fausto Franco, este crescimento é resultado de um conjunto de ações que o governo vem desenvolvendo em sua gestão. “Ou seja, investir em infraestrutura, na recuperação de estradas, na construção e reforma de aeroportos regionais e na execução de obras de mobilidade reflete diretamente na área turística”,  defende o titular da pasta.

Fonte: Bahia Notícias

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.

× Envie uma