O Portal de notícias de Porto Seguro

7º Baile da Cidadania encerra Carnaval em Porto Seguro

0 210

Dando sequência ao intenso ritmo de trabalho do Verão Sem Fome, o Ação da Cidadania realizou no último sábado (9) mais um evento de caráter beneficente em Porto Seguro. Depois do sucesso do Natal Sem Fome e do Reggae Contra a Fome, que juntos arrecadaram quase 20 toneladas de alimentos, foi a vez do 7º Baile da Cidadania levar uma dose de cultura e solidariedade para o município.

O evento contou com a presença da lenda Armandinho Macedo, um ícone da música baiana e brasileira, além das bandas locais Abel Chaves e Banda T.Y.M.G. O público, composto em sua grande maioria por nativos, compareceu em grande número a Rua Marechal Deodoro, popularmente conhecida como Rua do Mangue, entendendo o propósito maior do evento e colaborando massivamente com a doação de alimentos.

Armandinho agitou o público com a magia de sua guitarra baiana, relembrando alguns hinos do carnaval como Chame Gente, Zanzibar e muitos outros grandes sucessos da carreira. O cantor, um dos idealizadores do trio elétrico, fez questão de “vestir a camisa” do Ação da Cidadania, ressaltando a importância da proposta e destacando a honra em fazer parte de uma iniciativa com esse viés.

O Coordenador do Ação da Cidadania no Extremo Sul, Eduardo Jacaré foi o responsável pela organização do evento. Em seu discurso de abertura, Jacaré trouxe palavras do fundador do projeto, o sociólogo Betinho, e do Embaixador do Ação da Cidadania no Extremo Sul, Luigi Rotunno, Diretor Geral do Grupo La Torre. O Coordenador revelou também a alegria em ter Armandinho, mesmo após a exaustiva agenda da última semana, encerrando o carnaval em Porto Seguro.

“Tá sendo uma alegria imensa estar aqui, o evento está sendo um sucesso. A rua tá lotada, o público se fez presente com os alimentos para celebrar a solidariedade e eu nao tenho palavras para expressar toda a emoção. Gostaria de agradecer ao nosso embaixador, Luigi Rotunno, a CVC Turismo, TV Santa Cruz e demais empresários que colaboraram, porque sem eles esta festa não seria possível”, disse Eduardo.

Deixe uma resposta

Seu endereço de email não será publicado.